Tag

gilmarcardoso

Browsing
O Movimento Consciência Brasil é um novo partido político em processo de homologação para o registro definitivo junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Atualmente, com base no total de votos dados nas eleições de 2018 para a Câmara dos Deputados, os partidos em formação devem coletar um total de 491.967 assinaturas em pelo menos nove unidades da federação.

Há pouco mais de um ano, o TSE decidiu que é possível a utilização de assinatura eletrônica legalmente válida nas fichas ou listas expedidas pela Justiça Eleitoral para apoiamento à criação de partido político, desde que as assinaturas sejam devidamente validadas pelo site da justiça eleitoral auferindo a autenticidade do título de eleitor válido.

O partido politico Consciência Brasil registrou sua Carta de Princípios contendo 11 tópicos que posicionam o conceito da legenda, dentre outros, nos campos social, cristão-ético, ideológico-político, bem estar humano, bem estar animal, garantia das vez e voz das mulheres, além do combate à corrupção e impunidade.

Sob o lema – Compartilhando Esperança – e numeração inspirada no Salmo 91, um dos mais destacados capítulos da Bíblia e tido como sendo o mais poderoso escudo de proteção espiritual, o Consciência Brasil apresenta-se como sendo uma legenda ideologicamente centrista – nem de esquerda nem de direita – sem os rótulos do extremismo, a legenda pretende ser uma nova opção e portadora da bandeira de luta do povo brasileiro, principalmente, na busca incessante pela justiça social. O objetivo é ser diferenciado e nesse sentido, atrair o interesse e a militância, sendo protagonista de um novo tempo e cenário nacional.

Uma consulta no site do TSE aponta a existência de 32 partidos oficializados, com o União Brasil 44 ocupando o último registro oficial datado de 8 de fevereiro de 2022.

Através da Resolução CEN nº 051, de 10 de agosto de 2022, o Presidente Nacional do Consciência Brasil, Edmilson Silveira, que é empresário e analista sênior de compras e licitações, líder estudantil e presidente da União Goiana dos Estudantes Secundaristas – UGES, nomeia o advogado, escritor e poeta Gilmar Cardoso, membro do Centro de Letras do Paraná, da Academia Mourãoense de Letras e da Academia de Artes, Ciências e Letras do Brasil, como Presidente Estadual da Comissão Provisória do Paraná, conferindo-lhe a missão institucional de organizar a direção paranaense no prazo de 30 dias.

O Presidente Gilmar Cardoso afirma que sente-se honrado com esta deferência e distinção e reafirma a importância da participação política, pois, se somos seres políticos como dizia o filósofo Aristóteles, e se efetivamente queremos algo melhor, através de uma política racional, temos que fazer diferente e a diferença, como instrumento condutor de novas ideias. Se organizar para decidir no coletivo, participar das decisões sobre os rumos do país, cidade ou Estado é o caminho para construirmos juntos uma sociedade mais justa, igualitária, participativa, democrática e politizada, afirmou o advogado.
Por fim, Gilmar Cardoso conclama à todos interessados em somar neste projeto político, e interessados em organizar a comissão diretora municipal do Consciência Brasil em sua cidade, para que façam contato com o partido a fim das tratativas necessárias e recebimento do material institucional do partido.

Nas palavras do presidente nacional Edmilson Silveira, “a corrupção é a grande sangria do Brasil, e quem paga o preço com o sacrifício é o nosso povo!”. Junte-se a nós nesta missão, porque juntos somos mais fortes.

Encaminhe sua solicitação ou dúvida para o endereço eletrônico: gilmarcardosoadv@gmail.com
Sede nacional do partido – SHS, Quadra 06, Complexo Brasil 21, SHIGS 713 Bl. A, 501 – Asa Sul, Brasília-DF, 70316-000

Em março de 2023 o Rotary Club de Curitiba celebra 90 anos de fundação e a data marca a presença rotária no Estado do Paraná

O Rotary começou com a visão de um homem: Paul Harris. O advogado formou o Rotary Club de Chicago no dia 23 de fevereiro de 1905 para que profissionais de diferentes setores pudessem trocar ideias e fazer amizades duradouras.

O Dia do Rotariano Paranaense faz parte do Calendário Oficial de Eventos do Estado e é comemorado anualmente, no Paraná, no dia 27 de abril. A festa acontece na data em que o Rotary Club de Curitiba, fundado há 90 anos na capital em 20 de março de 1933, no Grande Hotel Moderno, tendo sido o primeiro clube do Estado do Paraná, foi oficialmente admitido junto ao Rotary Internacional através da carta constitutiva em 27 de abril de 1933.

De acordo com a Lei nº 17.009, de 14 de dezembro de 2011, de iniciativa parlamentar do deputado estadual Rasca Rodrigues, rotariano sócio do Rotary Clube de Curitiba Parque Barigui, foi incluído o Dia do Rotariano no calendário oficial de eventos do Estado. A data comemorativa foi sancionada pelo governador Beto Richa e publicada no Diário Oficial nº. 8609, de 14 de Dezembro de 2011.

Segundo o rotariano Gilmar Cardoso, o Rotary é uma associação de clubes de serviços que une voluntários na prestação de serviços humanitárias, promovendo a paz e os valores éticos. a ideia desta homenagem oficial foi reconhecer o trabalho de cerca de sete mil rotarianos paranaenses e a contribuição do Rotary Club para promoção da paz, da ética e da boa vontade. “Além disso, o Rotary Club presta serviços voluntários em favor da sociedade, auxiliando pessoas necessitadas, entidades, divulgando causas e campanhas que contribuem para as cidades e suas populações. Merece efetivamente essa distinção e reconhecimento”, destacou o advogado e poeta.

Gilmar Cardoso explicou que à época da criação desta data, o Companheiro Rasca Rodrigues tinha a plena convicção de que ter a celebração especial para comemorar o dia dos rotarianos incentivaria cada vez mais adesões em uma corrente de amizade e solidariedade.

Atualmente, o Rotary está presente em 218 países e regiões geográficas, atuando por meio de mais de 36 mil Rotary Clubs, que reúnem cerca de 1,2 milhão de voluntários. Cada clube escolhe seus próprios dirigentes e tem uma considerável autonomia, respeitando os estatutos e o regimento interno estabelecidos pelo Rotary International. Regionalmente, estes clubes estão agrupados em distritos.

Tradicionalmente um dos países onde o Rotary é mais forte, o Brasil conta com 2.413 Rotary Clubs e 51.265 rotarianos (estes dados são de fevereiro de 2021). Três brasileiros já presidiram o Rotary International, cuja sede está em Evanston, no estado de Illinois, nos EUA.

Um dos mais conhecidos projetos do Rotary International é a campanha mundial de combate à poliomielite, desenvolvida desde meados dos anos 1980 em parceria com a Organização Mundial da Saúde e outras entidades. Esta campanha reduziu em 99% os casos mundiais de pólio. No Brasil, a doença foi erradicada em 1989.

O Rotary International tem sede em Chicago e possui um presidente mundial, um secretário-geral e um quadro de diretores e administradores. Como são muitos clubes em todo o mundo, para fins administrativos o Rotary International agrupa esses clubes em 532 subdivisões chamadas “Distritos”, identificados por números (como no caso do Distrito 4730), com cada distrito abrangendo um conjunto de clubes (o Distrito 4730 tem 81 clubes). Cada Distrito é liderado por um gestor, chamado “governador distrital”, que junto com os governadores assistentes e a equipe distrital por ele designados, que assessoram os Rotary Clubs de sua região (Distrito).

O Distrito 4730 do Rotary, localizado no Paraná, abrange a capital Curitiba e região metropolitana, o litoral, os Campos Gerais e, ainda, a região sudeste do estado tem como governador Sérgio Luiz Bellotto Jr., para o ano rotário de 2022-2023. Nessa extensão distrital, são mais de 80 Rotary Clubs e 1,7 mil rotarianos, além dos jovens dos programas voltados à juventude como Interact, Rotaract e Intercâmbio.

A Missão do Rotary International é servir ao próximo, difundir a integridade e promover a boa vontade, paz e compreensão mundial por meio da consolidação de boas relações entre líderes profissionais, empresariais e comunitários.

“Escrever é poder viajar levando o mundo inteiro na bagagem!”

Neste dia 25 de julho comemoramos o – DIA NACIONAL DO ESCRITOR – e tem-se que a data foi escolhida pelo ex-ministro da Educação e Cultura Pedro Paulo Penido (1904-1967), em 1960, para prestar uma homenagem e reverenciar os escritores e escritoras brasileiros. A memória do feito deve-se à realização do I Festival do Escritor Brasileiro, uma promoção da União Brasileira de Escritores (UBE), que realizou-se em 25 de julho de 1960. Através da edição de uma Portaria assinada em 23 de julho o MEC oficializou o evento sob a responsabilidade da entidade que era presidida pelo escritor João Peregrino Júnior e tinha como vice-presidente o imortal Jorge Amado (1912-2001).

O genial escritor português José Saramago, Nobel de Literatura em 1998 dizia que somos todos escritores, só que alguns escrevem e outros não. O nosso Machado de Assis, fundador da Academia Brasileira de Letras afirmava que palavra puxa palavra, uma ideia traz outra, e assim se faz um livro, um governo ou uma revolução.